domingo, 28 de abril de 2013

Teatro:


A ORAÇÃO DE UMA MÃE 


Mãe sempre ora pela familha, tem um filho(único), quer que ele faça a vontade de Deus. Este recebeu um chamado para ir pro Oriente Médio... E agora????Mãe (Sábia); Filho (Eduardo); Anjo; Jesus;Narrador: 


CENA 01 

(Mãe Sábia ora ao Senhor e o Anjo observa com uma taça de ouro nas mãos e no final da oração sai):
Senhor obrigado por tudo que o Senhor tem feito na minha família, por ter me ensinado a leva o teu evangelho ao meu filho Eduardo, obrigado ô Deus porque ele ouviu a tua voz, e sempre tem procurado te servir fielmente, saiba Senhor que a minha família pertence a Ti. 
Santo é o teu nome, Amém.

CENA 02:

(Após o ter mínio da oração mãe, o filho bate na porta, pede licença e entra)

Eduardo: Minha Mãe gostaria de falar com a senhora; recebi um convite para ir fazer evangelismo no Oriente Médio.
Mãe: Oriente Médio? Meu filho este não é aquele país que vive em guerra?
Eduardo: Sim, mamãe eu não posso esconder da senhora é sim esse país.
Mãe: Eduardo meu filho evangelize por aqui mesmo, tem tanta gente que ainda não aceitou Jesus, você pode evangeliza-los, não precisa ir para lá. Não, não Edu isso está fora de cogitação, eu não vou deixar você ir.
Eduardo: Mamãe aqui temos muitos evangelizadores, lá não, pessoas estão morrendo sem Cristo.
Mãe: Eu sei meu filho, você é meu único filho e te amo muito para deixar que você arrisque sua vida naquele lugar.
Eduardo: Mamãe lembra que me disse que sempre ora para que eu seja um vaso na obra de Deus; então?! Se eu recebi esse convite é porque o Senhor está me chamado para a Seara!
Mãe: Acho que você está enganado meu filho!
Eduardo: Penso que não minha mãe, sinto aqui dentro e se eu tiver que morre que seja fazendo a obra de Deus.
Mãe: Meu filho não fale isso, você não vai, está decidido.
Eduardo: Mamãe, seu nome é Sábia e foste sábia até aqui me ensinado desde pequeno o caminho da verdade, agora peço que seja Sábia.
Mãe: Estou sendo muito sábia, e não seria se deixasse meu filho ir morre num lugar como aquele.
Eduardo: Jesus fala com ela! (Sai de cena)


CENA 03
 (Mãe põe-se a orar).
Mãe: Senhor estou aflita, meu filho, meu único filho Senhor que ir para longe de mim para aquela terra mal, de estrangeiros, onde pessoas inocentes morrem a todo instante vítimas de boba, bala perdida, diga-me Senhor que esta não é a tua vontade, que ele vá para lá, olha Jesus ele pode evangelizar pessoas aqui mesmo, sem ter que arrisca sua vida tão longe de casa.( Mãe soluça e chora). Jesus fala com tua serva (Soluça chorando).

CENA 04 
Jesus: Filha minha, esquece-te que por estrangeiros entreguei meu único filho para que fosse torturado e morto como um ladrão! Confia em mim e permiti que o teu filho vá, pois eu estarei com ele.
(Mãe levanta-se e entra na sala onde Edu está a ler a bíblia).
Mãe: Filho quando você vai, pois precisamos arrumar sua bagagem.
(Eduardo ri e abraça a mãe).
Eduardo: Obrigado minha Mãe, Deus te abençoe. (Beija a fronte da Mãe)(Ambos saem de cena/ fundo musical)
Narrador: Vários meses se passaram e Eduardo está nos Oriente Médio evangelizando. Muitos aceitaram a Cristo, embora haja muitos que resista por crerem na seita Islâmica. 
Certo dia Edu estava reunindo com um grupo de pessoas em um canto da cidade, onde ministrava a palavra de Deus:

CENA 05 

Eduardo: Então Jesus veio ao mundo e nos ensinou que amemos uns aos outros...(De repente dois guerrilheiros Islâmicos invadem o local e metralham a todos [Correria, gritaria, todos caem ao chão]. 
Os guerrilheiros saem).
Eduardo: Meus Deus o que houve só me lembro de gritos e tiros?! E essas pessoas estão todas mortas? Meu Deus, não! (chora) E eu fui atingindo?! (verifica-se) Minha perna, ai.(Eduardo foi atingido na perna)
Eduardo: Será que tem alguém vivo! (Arrasta-se tentando verificar)(Fundo musical soldado ferido)(E chora...)
Eduardo: Senhor quanta violência? Estão todos mortos!
Jesus: Eduardo?(Olha para os lados).
Eduardo: Quem está aí?
Jesus: Não temas, pois estou contigo, mais esforçai-vos e não desfaleça as vossas mãos porque a vossa obra tem uma recompensa, e lembre-se que o meu galardão está para dá a cada um segundo as suas obras.
Eduardo: Senhor veja os meus irmãos. Estão mortos!
Jesus: Os teus irmãos não morreram apenas dormem e serão despertados em breve. Agora, levante-se soldado, escreve a tua mãe, pois tem orado por ti incessantemente; quero que minha serva saiba de minha fidelidade e que Eu Sou contigo, conforme disse a ela, antes que tu viesses para cá.
(Nesse momento surgem duas pessoas e cuida do ferimento do rapaz/ todos retira-se)  

CENA 06 

(Sabedoria entra e encontra uma carta jogada no chão da sala, pega e ler).
Sabedoria: Louvado seja Deus, Aleluia, pois tem protegido meu filho amado. Valeu a pena, quero que todos saibam que vale a pena confiar no Senhor!
Narrador: A oração tem sido a grande arma que as mães têm usado para vê-lar por seus filhos.
 Abençoada sejam todas as Mães por tamanho amor! 


Teatro Dia das Mães

“A MÃE NOSSA DE CADA DIA”.


Jogral:

(adaptação de uma poesia de Ruth B. Kuhlmann)

Grupo: Todos os dias, ao acordar
A mãe começa a trabalhar.

Solo A: Mamãe pra lá, mamãe pra cá...
E ela a todos atenção dá.

Grupo: É a mãe que tudo vê
E responde sempre aos “porquê”.
Atende logo os pedidos
De achar objetos perdidos:

Solo B: Onde está o tênis...da meia o par?

Grupo: A mãe descobre o lugar.

Grupo: Cabeças ou costas doloridas?

Solo C: A mãe trata das feridas.

Grupo: E a toda hora uma queixa:

Solo D: Quero brincar, o mano não deixa!

Solo E: Quem quebrou minha boneca?
Quem sumiu com a peteca?

Grupo: E os pedidos sem fim
Aos quais tem que responder “sim”:

Solo A: Está pronta a merenda?
Lavou a blusa de renda?

Solo B: Não sei fazer a lição:
Quem foi Napoleão?...

Solo C: Posso ir brincar lá fora?

Solo D: Tenho que tomar banho agora?

Grupo: A mãe precisa ser lavadeira, enfermeira,
Babá, costureira, professora, cozinheira.
A mãe precisa ser companheira...

Solo E: E ainda precisa ser paciente
E estar sempre sorridente.

Solo A: E como consegue isto,
Dando conta do serviço???

Grupo: Respondemos nós nesta rima:

SÓ PELA GRAÇA DIVINA!

____________________________________________________________________________________


Um anjo chamado Mãe


Mãe: 
Uma criança pronta para nascer, perguntou a Deus:
- Senhor, dizem que descerei para a Terra amanhã, mas como vou viver lá, sendo assim, tão pequena e indefesa?
E Deus falou:
- Entre muitos anjos, eu escolhi um muito especial para você. Esse Anjo está lhe esperando e tomará conta de você.
A criança, curiosa, continuou:
- Mas, me diga uma coisa, Senhor, aqui no céu eu não faço nada, a não ser cantar e sorrir, o que é suficiente para que eu seja feliz...como será lá na Terra?
E Deus, pacientemente falou:
- Seu Anjo irá cantar e sorrir para você. A cada dia, a cada instante, você sentirá o amor do seu Anjo e será feliz.
A criança queria saber mais e perguntou:
- E como vou entender, quando falarem comigo, se eu não conheço a língua que as pessoas da Terra falam?
E Deus respondeu:
- Com muita paciência e carinho, seu Anjo vai lhe ensinar a falar.
A criança quis saber mais:
- E o que vou fazer quando eu quiser falar contigo, Senhor?
Deus disse:
- Seu Anjo vai juntar suas mãos e lhe ensinar a orar.
A criança, preocupada, perguntou também:
- Eu ouvi dizer que na Terra existem homens maus. Quem irá me proteger dos perigos?
Deus, então, respondeu:
- Seu Anjo irá defender você, mesmo arriscando sua própria vida.
A criança queria saber muito mais e falou:
- Então serei sempre triste porque não o verei mais, Senhor!
Deus disse:
- Seu Anjo sempre irá lhe falar de Mim. Vai lhe ensinar a maneira de vir a Mim. E Eu, sempre estarei dentro de você!
Nesse momento, havia muita paz no Céu, mas, as vozes da
Terra já começavam a ser ouvidas.
A criança, apressada, pediu carinhosamente a Deus:
- Oh, Deus! Se eu este é o momento de ir para a Terra, por favor, me diga...qual o nome do meu Anjo?
E Deus respondeu:
- Você chamará o seu Anjo de: MÃE !

LIÇÃO DE VIDA:

Deus deu às mães o poder máximo de um ser humano: dar a vida.
ELE sabe que as mães são verdadeiros Anjos.
Elas se fazem presentes em cada pedacinho de nossas vidas;
- orientando, ensinando, protegendo, amando...

Ele faz com que a mulher estéril habite em família,
e seja alegre mãe de filhos, louvai ao Senhor. (salmo 113:09)
Ser Mãe.......... É benção de Deus.





quinta-feira, 25 de abril de 2013

Arca de Nóe





Texto bíblico: Gênesis 6:1 - 9:17


Versículo para memorizar:
Ezequiel 18:32 -
 "Porque não tenho prazer na morte de ninguém, diz o Senhor Deus. Portanto convertei-vos e vivei".

Objetivo: Que a criança saiba que Deus cumpre o que diz, castigará todo o pecado; mostrar que Deus salva quem crê e se achega conforme seu plano.

Introdução:
 De Adão até Noé, houve dez gerações de homens que creram em Deus e esperaram pelo libertador prometido no Jardim do Éden. A história bíblica que estudaremos hoje fala da graça de Deus estendida a Noé e seus filhos Sem, Cão e Jafé, e suas respectivas famílias. Essa história se passou mil e quinhentos anos ou mais depois da criação de Adão. No tempo de Noé, havia uma grande população habitando na terra. Mas a maioria estava interessada apenas em coisas que lhe davam prazer. Não se interessavam em agradar a Deus. Deus via e odiava o pecado daquelas pessoas, mas também as amava e queria que se arrependessem. Desejava que mudassem de idéia e admitissem que estavam erradas. Queria que cressem nele. Deus Espírito Santo constantemente lhes dizia que se arrependessem, mas não o fizeram.
Quando Deus viu como os homens se tornaram perversos, Ele ficou triste por tê-los criado.
Naquela sociedade, Noé era o único que andava com Deus. A vida de Noé era reta e justa, enquanto os outros pecavam contra Deus.
Deus avisou Noé de que ia destruir o mundo, e mandou que ele construísse uma arca.
Como Noé deve ter ficado triste e chocado quando Deus lhe deu essas notícias! Todos na Terra morreriam por causa dos seus pecados - todos, menos Noé e sua família. Apesar da maldade dos outros, Noé continuou agindo certo para agradar a Deus. Não foi fácil. As pessoas, sem dúvida, riram dele e até o odiaram, mas ele continuou fiel a Deus e agindo sempre certo.
Noé obedeceu a Deus, fazendo tudo o que Ele mandou. Noé avisou a todos do julgamento vindouro de Deus. As pessoas do tempo de Noé não aceitaram as palavras de Deus transmitidas por Noé. ( A Bíblia não diz quantos anos levaram para construir a arca, algumas pessoas acreditam que foram 120 anos (Gênesis 6:3). Aparentemente, enquanto trabalhava na arca, Noé avisava as pessoas sobre o julgamento de Deus (2Pedro 2:5).No versículo que memorizamos hoje diz: "Porque não tenho prazer na morte de ninguém, diz o Senhor Deus. Portanto convertei-vos e vivei" Ezequiel 18:32 .Deus estava lhes dando uma oportunidade de abandonarem seus pecados e confiarem nEle. Deve ter sido bem difícil para Noé permanecer firme, sozinho, durante aquele tempo.
Deus ordenou que Noé e sua família entrassem na arca, levando com ele algumas espécieis ou tipos de animais. Quando Noé, sua família e os animais estavam seguros na arca, Deus fechou a porta.
Deus havia avisado as pessoas muito tempo para deixarem seus pecados, mas se recusaram. Só havia um lugar seguro no mundo. Os que estavam na arca se achavam a salvo do castigo de Deus por causa do pecado.
Hoje, só há um lugar em que você fica a salvo do castigo de Deus pelo pecado. Este lugar seguro é o Senhor Jesus Cristo. Ele é o Filho perfeito de Deus que, ao morrer na cruz, recebeu o castigo pelo seu pecado e o meu. O Senhor Jesus morreu, mas voltou a viver. Se você ainda não entregou a sua vida para Jesus, você pode fazer isso ainda hoje. Ele é o unico lugar seguro onde você está a salvo do castigo que merece pelo seu pecado(Efésios 2:13). Em Jesus você pode ser salvo, assim como Noé e sua família foram salvos na arca.
Deus enviou o dilúvio, destruindo tudo o que tinha vida na terra. Deus havia cumprido a Sua palavra.Mas Noé e sua família foram salvos. Deus os recompensou por permanecerem fiéis a Ele, apesar do pecado de todos os outros. Noé continuou fazendo o que era certo, não se importando com a opinião dos demais. E você? Deus quer que você , que já entregou a sua vida a Ele, continue fazendo o que é certo, sem se importar com o que os outros façam. Deus sempre irá lhe dar força, Ele está com você a cada minuto do dia. Embora seja difícil agir certo quando outros estão constantemente fazendo coisas erradas., Deus vai honrar e recompesar você por fazer o que é certo. Noé perseverou em servir a Deus e confiar nEle ano após ano, sem esmorecer. Ele tinha o desejo profundo de fazer a vontade de Deus e foi um bom exemplo. Deus tinha agora recompesado a sua fidelidade, salvando Noé e sus família do Dilúvio.
Depois de vários meses, as águas secaram e a arca pousou sobre o monte Ararate. Deus ordenou que Noé e sus família saíssem da arca.
Noé construiu um altar e ofereceu um sacrifício para agradecer a Deus pela sua proteção e salvação. Deus honrou Noé, dando-lhe instruções e algumas promessas maravilhosas para o futuro. Deus colocou um arco-íris no céu como sinal da Sua promessa de que jamais inundaria novamente a terra.

Conclusão: Deus sempre cumpre as Suas promessas. Se você confiar no Senhor, Deus continuará dando- lhe força para continuar fazendo o que é certo, sem se importar com o que os outros façam. Muitos escolhem fazer coisas erradas, como faziam as pessoas nos dias de Noé, e a vida deles parece ser mais fácil. Mas, quando você descobre o que é certo; ora pedindo a ajuda de Deus e depende dEle , o Senhor lhe dará forças para não desistir, não importa o que aconteça. Lembre-se, Deus recompensará e honrará você por agir certo.




Elias e oa viúva de Sarepta


















segunda-feira, 22 de abril de 2013

Jogral para o dia das mães


Jogral
1 – Mãe, A mulher imortal

1-2-3 – A mulher se integrou completamente
5-6  - em todas as funções da vida moderna:
4  - é cientista, astronauta, e é docente.
Todos – Lidares tantos que ninguém reprova!
1  - Sendo estadista ou como tenente,
2  - ela passa em todas as provas!
3  - Em tudo se mostra eficiente,
Todos – e assim o seu valor comprova!
2-4 – Mas não é esse o seu troféu mais lindo,
5 – é no lar, sorrindo, ou entre lágrimas,
6 – que a mulher se mostra sem rival!
3 – Na prática do amor, com singeleza,
1-3-5 – ela, sem mal, alcança o destaque da nobreza:
Todos – Torna-se MÃE, a mulher imortal!

2 – As mães são flores

1  – As mães são flores maravilhosas,
2  – São lírios lindos e belas rosas,
3  – São dálias, cravos, açucenas,
4  – Jasmins, violetas amenas.
1  – Flores belas, simples ou perfumadas,
TODOS – As mães são flores sagradas!
2  – Merecem nosso carinho, a nossa admiração,
3  – O nosso amor mais sincero, a nossa dedicação.
4  – Por tudo o que elas sofrem,
1  – E pelo amor que elas têm,
2  – Bem merecem no seu dia
TODOS – Mil beijos e parabéns!
3  – As mães são símbolo de amor,
4  – De sacrifício e dores,
1  – Fazemos-lhes, portanto, justiça
3  – Dizendo: “As mães são flores!”
TODOS – Ó mães queridas, nós vos amamos,
E neste dia vos abraçamos.
Ao Deus bendito por vós rogamos
Que vos dê vida por muitos anos!