sábado, 10 de novembro de 2012

Série de Estudo:José



O sonho de José

Texto: Gênesis 37:1-11

Objetivo: Levar as crianças a compreender que Deus é um Deus de sonhos e que Ele vai ajudar a realizá-los.

 Jacó ficou morando na terra de Canaã, onde o seu pai tinha vivido.  Esta é a história da família de Jacó. Quando José era um jovem de dezessete anos, cuidava das ovelhas e das cabras, junto com os seus irmãos, os filhos de Bila e de Zilpa, que eram mulheres do seu pai.
 E José contava ao pai as coisas erradas que os seus irmãos faziam.


  Jacó já era velho quando José nasceu e por isso ele o amava mais do que a todos os seus outros filhos. Jacó mandou fazer para José uma túnica longa, de mangas compridas. Os irmãos viam que o pai amava mais a José do que a eles e por isso tinham ódio dele e eram grosseiros quando falavam com ele. Certa vez José teve um sonho e o contou aos seus irmãos. Aí é que ficaram com mais raiva dele 6 porque ele disse assim: —Escutem, que eu vou contar o sonho que tive.



Sonhei que estávamos no campo amarrando feixes de trigo. De repente, o meu feixe ficou de pé, e os feixes de vocês se colocaram em volta do meu e se curvavam diante dele. Então os irmãos perguntaram: —Quer dizer que você vai ser nosso rei e que vai mandar em nós? E ficaram com mais ódio dele ainda por causa dos seus sonhos e do jeito que ele os contava.



 Depois José sonhou outra vez e contou também esse sonho aos seus irmãos. Ele disse assim: —Eu tive outro sonho. Desta vez o sol, a lua e onze estrelas se curvaram diante de mim.  Quando José contou esse sonho ao pai e aos irmãos, o pai o repreendeu e disse: —O que quer dizer esse sonho que você teve? Por acaso a sua mãe, os seus irmãos e eu vamos nos ajoelhar diante de você e encostar o rosto no chão?  Os irmãos de José tinham inveja dele, mas o seu pai ficou pensando no caso.

Versículo para memorizar:

E teve José outro sonho, e o contou a seus irmãos, e disse: Eis que tive ainda outro sonho; e eis que o sol, e a lua, e onze estrelas se inclinavam a mim.

Gên 37:9






0 comentários:

Postar um comentário